O que é home broker? Saiba como utilizar para investir

1 vote

Se você está pensando em investir em ações na bolsa de valores (B3), saiba que precisa conhecer o home broker. Visto que é uma plataforma digital desenvolvida para facilitar a conexão entre os investidores e o mercado de capitais.

Até mesmo as pessoas que não tem nenhuma experiência em negociar com ações, conseguem aplicar seus recursos em ativos listados na B3. De fato, essa plataforma possibilitou que um maior número de investidores tenha acesso ao mundo das ações.

Entenda com esse artigo como funciona o home broker, bem como o passo a passo para sua utilização de forma adequada. Sem dúvida, depois dessa plataforma investir no mercado de capitais tornou-se uma opção a mais para aplicar os seus recursos.

O que é o home broker?

O home broker é uma plataforma digital que permite a negociação de ações e outros ativos financeiros via internet. De fato, é um sistema muito completo, que permite a negociação de diversos tipos de investimentos, inclusive derivativos.

Todas as operações ocorrem em tempo real, sendo de fácil uso e muito intuitiva. Além disso, oferece maior liberdade para quem quer comprar ou vender ações, sendo que os principais ativos negociados são os seguintes:

  • Ações de empresas de capital aberto
  • Contratos futuros
  • Opções
  • Fundos de Investimentos Imobiliário e ETF’s;
  • BDRs.
Fonte: Imagem de Sergei Tokmakov Terms.Law por Pixabay

A partir da conexão com a plataforma home broker, o investidor consegue emitir ordens de compra e venda, bem como monitorar as cotações de ações listadas na B3.

Conheça as origens do home broker

É interessante destacar que as origens do home broker podem ser associadas com o primeiro pregão automatizado da Bovespa a partir de 1972. Nesse momento, usando a rede de computadores as informações passaram a veicular em tempo real.

Em seguida, vieram as operações automatizadas para opções de ações e a rede de serviços para atuação de corretoras, o Sistema Privado de Operações por Telefone (SPOT).

O avanço seguinte foi com o Computer Assisted Trading System (CATs) ou Sistema de Negociação Eletrônica nos anos 90. A princípio era necessário realizar as operações simultaneamente com o Pregão Viva Voz.

Já o Mega Bolsa foi criado em 1997, sendo um novo sistema de operações eletrônicas, permitindo um grande aumento no processamento de informações.

E na década seguinte, foi a vez dos serviços de home broker e aftermarket, com a negociação após as 17 horas. E, por último, a operação realizada apenas via pregão eletrônico doméstico ocorreu a partir de 2006.

Conheça as principais funcionalidades dessa plataforma digital

Saiba que com a plataforma home broker você consegue ter acesso a diversas funcionalidades fundamentais para os investimentos no mercado de capitais.

Uma delas é o monitoramento da cotação das ações em tempo real. Isso é de extrema importância por permitir a tomada de decisão de compra ou venda de ativos na B3 de acordo com as oscilações do mercado.

Fonte: Imagem de Sergei Tokmakov Terms.Law por Pixabay

Outra funcionalidade muito importante, é a praticidade e rapidez para realização das negociações. Isto porque a emissão de ordens de compra e venda podem ser feitas a qualquer momento no decorrer do funcionamento do mercado.

Além disso, o investidor pode monitorar através da plataforma os movimentos envolvendo a sua ordem de compra ou venda. Bem como acompanhar o seu saldo financeiro, a sua carteira de investimentos e verificar as suas informações pessoais.

Entenda a diferença entre home broker e mesa de operações

Mesmo com a utilização do home broker, a mesa de operações continua existindo e em funcionamento no mercado. De fato, a mesa de operações é uma alternativa importante para quem prefere ter apoio para operar com ativos.

Pode ser considerada como um espaço em que os profissionais realizam as negociações de ativos financeiros, ou seja, as compras e vendas de ações e títulos, dentre outros. Além de auxiliar os investidores na escolha dos produtos e na avaliação de riscos.

Sem dúvida, a mesa de operações é mais utilizada por investidores qualificados que desejam um atendimento mais personalizado. Além de serem muito úteis para negociar produtos financeiros exclusivos e/ou realizar operações estruturadas.

Para utilizar a mesa de operações, o investidor deve arcar com uma taxa de corretagem que tem o seu valor variável, conforme o montante negociado. Já para os investimentos via home broker a taxa é fixa, sendo um percentual único para venda e outro para compra.

Saiba que para decidir entre usar o home broker ou a mesa de operações, é preciso levar em conta o seu perfil de investidor. Isto porque se quiser negociar com mais independência, o mais adequado é a plataforma digital. E se preferir ter auxílio, o melhor é optar pela mesa.

Vantagens de investir via plataforma digital em ações

A utilização do home broker oferece inúmeras vantagens para o investidor, sendo as principais as seguintes:

1ª – Maior autonomia para realizar os investimentos de qualquer lugar que estiver, desde que tenha acesso a internet. Além disso, tem maior liberdade, pois não é necessário ficar dependendo da consulta a um operador.

De fato, precisa entender os processos e como funciona o home broker, bem como querer ou não assumir riscos.

2ª – Opção de estruturar as operações para orientar e otimizar os seus investimentos. Por exemplo, utilizar uma ordem de stop loss que limita o prejuízo. Este recurso é muito estratégico para investidores que atuam com o objetivo de especulação financeira.

3ª – Redução de custos com a taxa de corretagem de menor valor do que a taxa da mesa de operações.

Desse modo, é fácil perceber como o home broker facilita as operações realizadas pelo investidor de forma independente.

Como funcionam as negociações no home broker?

O funcionamento do home broker ocorre a partir da emissão de ordens dos investidores para as corretoras ou bancos. Tanto os principais bancos quanto as corretoras possuem seu home broker, sendo que existem pequenas diferenças pontuais entre eles.

Independente dessas diferenças, todos oferecem negociações com ações, fundos de investimentos e títulos do governo, dentre outros. Além disso, um passo a passo para investir por meio do home broker é o seguinte:

1º – Abrir uma conta na corretora de valores escolhida para realizar as operações, sendo que partir dessa ação terá acesso a um login e senha para operar usando a plataforma;

2º – Transferir o dinheiro para a conta na corretora, que normalmente usa o  depósito bancário de contas vinculadas ao CPF do titular;

3º – Realizar o acesso ao aplicativo ou site da corretora, que disponibilizará o acesso à cotação das ações da B3;

4º – Escolher o ativo de uma determinada empresa para realizar o investimento, ou seja, a compra ou venda dos papéis. Para isso é disponibilizado botões de compra e venda;

5º – Para operações de compra é necessário informar a quantidade de ações que deseja adquirir, bem como o valor que está disposto a pagar;

6º – A operação de venda pode acontecer a qualquer momento a partir do lançamento de uma ordem de venda com a especificação da quantidade e do valor pretendido;

7º – Após o lançamento da ordem, a realização da operação é efetuada assim que o sistema encontrar um vendedor ou comprador que aceite o valor;

8º – Concluída a operação, as ações negociadas serão adicionadas ou retiradas da sua carteira de investimentos.

Entenda o que é o book de ofertas

Para registrar as intenções de compra e venda de ativos negociados na B3 existe o book de ofertas, ou seja, livro de ofertas. De fato, esse nome tem origem antes do uso dos recursos computacionais em que as intenções eram escritas em um livro.

Nessa época, era necessário que os investidores interessados em comprar e vender ações passassem essa informação para os corretores. Sendo que o pregão da bolsa de valores era em viva-voz.

Atualmente, com os recursos tecnológicos o book de ofertas se tornou digital, com todas as ordens sendo visíveis para todos os investidores na B3. Neste sentido, para realizar o registro das ordens de compra e venda deve seguir os seguintes critérios:

1º – Para as ordens de compra de ativos, a listagem é por ordem decrescente de valores, com destaque no topo da lista para as de maior valor;

2º – Para as ofertas de venda de ativos, a listagem é por ordem crescente, estando as de menor valor no topo da lista;

3º – Tanto para as ofertas de compra quanto as ofertas de vendas com valores iguais, prevalece a listagem da mais antiga para a mais recente, ou seja, ordem cronológica;

4º – Quando uma operação é realizada, as outras ofertas de mesmo valor são retiradas da listagem de oferta do ativo.

Fonte: Imagem de Ahmad Ardity por Pixabay

As ofertas são exibidas na tela mantendo o lado esquerdo para as ordens de compra e o lado direito para as ordens de vendas. Desse modo, quando os dois valores se encontram é realizada a comercialização.

Como escolher o melhor home broker do mercado?

As corretoras e bancos operam com plataformas digitais próprias, as quais possuem características diferenciadas. Por isso, antes de escolher um home broker para operar é preciso verificar os seguintes aspectos:

1º – Conhecer a corretora e como funciona a sua plataforma digital;

2º – Mapear os custos de corretagem, de custódia e impostos cobrados em cada um das corretoras pesquisadas;

3º – Verificar como funciona o apoio técnico oferecido ao investidor, inclusive se oferece um programa de treinamento;

4º – Identificar quais as ferramentas de conhecimento estão disponíveis;

5º – Indagar se a corretora possui sistema de simulação para você conhecer na prática as funcionalidades da plataforma.

Atualmente, as principais home broker existentes no país são:

  • Inter
  • BTG
  • XP
  • Easynvest
  • Rico
  • BB
  • Itaú
  • Bradesco

Portanto, a plataforma digital home broker amplia o acesso das pessoas ao mercado de capitais, principalmente por ser online e muito intuitiva. Sem dúvida, o investidor que gosta de atuar com mais autonomia deve optar pela plataforma.

Postagens relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *